quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Aprendendo com favelas.

Um estudo interessante traz a reflexão sobre a morfologia e o comportamento das favelas e como elas se comportam no desenvolvimento urbano. Segundo o arquiteto Hugo Mesquita (Porto, Portugal, 1981), "Os assentamentos informais têm sido, ao longo do século passado, uma das formas mais significativas de crescimento urbano em cidades de países em desenvolvimento. Esses assentamentos têm sido historicamente considerados como uma forma marginal, temporária e indigno de desenvolvimento urbano, o que contribuiu para a estigmatização social e segregação espacial dos milhões de construtores informais." Confira!
Via Abitare

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários são bem vindos.
Desde que não sejam comentários anônimos.