segunda-feira, 30 de setembro de 2013

EXPODERIVA 2013 - Nathália Machado


"A experiência de ser derivante por um dia em minha cidade me fez querer ser um derivante para a vida toda. Ter nas mãos um objeto capaz de capturar os mais pequenos detalhes de uma vida exposta, é algo indescritível. Além da paixão por fotografia, descobri uma paixão que dormia, pela minha cidade, pelos cantos que mal conhecia, pela diversidade de lugares bonitos. O projeto é, de longe, o mais bonito que vi e vivi."











Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários são bem vindos.
Desde que não sejam comentários anônimos.