quinta-feira, 4 de maio de 2017

Novo mapa celebra a arquitetura brutalista de Paris








Dando seguimento aos lançamentos regulares de mapas e guias de cidades, a editora londrina Blue Crow Media produziu recentemente o Brutalist Paris Map, em colaboração com Nigel Green e Robin Wilson da Photolanguage. Tendo já abordado os edifícios brutalistas mais emblemáticos de Washington D.C., o mapa o mais recente destaca mais de 40 exemplos parisienses da arquitetura brutalsta.

"Este mapa não só orienta o leitor a descobrir muitos dos edifícios de pós-guerra mais ousados e interessantes de Paris, mas também oferece uma maneira diferente de experienciar Paris enquanto cidade, explorar áreas menos marcadas pelo itinerário turístico e encontrar alguns ambientes urbanos verdadeiramente radicais", disse Robin Wilson, co-fundador da Photolanguage e professor da Bartlett School of Architecture.

Alguns dos projetos mais notáveis do mapa incluem a Maison du Brésil e a Sede do Partido Comunista, projetadas por grandes nomes como Le Corbusier e Oscar Niemeyer. A obra dos influentes arquitetos franceses Jean Renaudie, Renée Gailhoustet e Gérard Grandval, entre outros, também está presente, incluindo os edifícios 'Les Choux de Créteil' e 'Les Damiers'.

Arquitetura menos conhecidas também recebem atenção no mapa, como a igreja de concreto de Saint André, de Marius Depont, e o edifício de telecomunicações de Pierre Vivien.

O mapa bilíngüe é o sexto guia da Blue Crow dedicado à arquitetura do século XX. Todos os volumes podem ser adquiridos através do site da editora. Mais detalhes, Vale o Clique!

Via ArchDaily

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários são bem vindos.
Desde que não sejam comentários anônimos.