segunda-feira, 14 de agosto de 2017

DERIVA DO BEM, é finalista 30ª Edição do Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade do IPHAN!

Os finalistas da 30ª Edição do Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade já foram definidos. Neste ano, dos 296 projetos inscritos, 68 ações que refletem a riqueza dos bens culturais brasileiros seguirão para análise da Comissão Nacional de Avaliação, que ocorrerá nos dias 21 e 22 de agosto, na sede do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), em Brasília. No encontro, serão anunciados os oito projetos vencedores.

Nesta edição, a premiação, que celebra seus 30 anos e também os 80 anos do Iphan, selecionará oito trabalhos representativos de ações preservacionistas relativas ao Patrimônio Cultural, divididos em quatro categorias. Assim, o prêmio será atribuído a dois projetos por categoria, no valor de R$ 30 mil, para cada ação premiada.

As ações finalistas
Os 68 projetos escolhidos, são iniciativas de excelência em técnicas de preservação, proteção, salvaguarda, promoção e gestão dos bens culturais de 26 estados brasileiros.

A Deriva do Bem é finalista na Categoria I.
Categoria I, 14 ações de excelência em técnicas de preservação do Patrimônio Cultural: visa valorizar e promover iniciativas de excelência em preservação do patrimônio cultural material envolvendo ações de identificação, estudos e pesquisas, projetos, obras e medidas de conservação e restauro, seguirão para análise da Comissão de Avaliação, em Brasília.

Para conferir os outros finalistas, Vale o Clique!

Via Iphan

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários são bem vindos.
Desde que não sejam comentários anônimos.