segunda-feira, 3 de setembro de 2018

Stephen Breyer, o novo presidente do júri do Prêmio Pritzker

O juiz do Supremo Tribunal dos Estados Unidos, Stephen Breyer, foi nomeado presidente do júri do Prêmio Pritzker pela Fundação Hyatt. Sendo jurado do prêmio desde 2011, Breyer assumirá o cargo do atual presidente Glenn Murcutt.

Tom Pritzker, CEO da Organização Pritzker e presidente da Hyatt Hotels Corporation, destacou como a devoção da Breyer a "uma arquitetura cívica que destaca a missão do prêmio e sua capacidade inigualável de guiar um grupo são essenciais para unir as vozes dos jurados."

Em 1980, Breyer foi eleito juiz do Primeira Instância de Apelações em Boston e, em 1990, tornou-se juiz-chefe do Tribunal de Apelações dos Estados Unidos para a Primeira Instância. Enquanto juiz federal de apelação em Boston, desempenhou um papel fundamental na concepção e construção do Tribunal de Justiça Joseph Moakley, projetado pelo escritório Pei Cobb Freed & Partners. Em 1994, foi nomeado juiz do Supremo Tribunal pelo presidente Bill Clinton.

Atualmente, o júri do Pritzker Prize 2019 é integrado pelo próprio Stephen Breyer; o arquiteto chinês e vencedor do Pritzker 2012, Wang Shu; o crítico de arquitetura, curador e embaixador do Brasil no Japão, André Aranha Corrêa do Lago; o arquiteto e vencedor do Pritzker 2007, Richard Rogers; a arquiteta italiana Benedetta Tagliabue; e o presidente da Tata Trust, Ratan N. Tata. A diretora executiva do Prêmio Pritzker é Martha Thorne, reitora da Escola de Arquitetura e Design IE em Madri.

A arquiteta ou arquiteto vencedor da 41ª edição do Prêmio Pritzker será anunciado no início de 2019.

Via ArchDaily

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários são bem vindos.
Desde que não sejam comentários anônimos.